Aqui são tecidos artigos, mensagens, poemas... Ideias de nossos educadores da Rede Municipal de Educação do Rio de Janeiro.

domingo, 20 de março de 2011

DIFICULDADES DE APRENDIZAGEM X DEFICIÊNCIA INTELECTUAL

Como Professora de Classes Especiais, Sala de Recursos Multifuncionais e atualmente na equipe 9 do IHA, tenho me deparado em visita a nossas escolas com as angústias de professores e diretores em diferenciar DIFICULDADE DE APRENDIZAGEM de DEFICIÊNCIA INTELECTUAL, realmente não é nada fácil, já que há uma linha tênue que os separa.

DIFICULDADES DE APRENDIZAGEM

As Dificuldades na aprendizagem da leitura e escrita surgem em alunos que não apresentam problemas de compreensão, que perfeitamente entendem ordens, tem autonomia e são extremamente espertos em realizar outras atividades, esse já é o primeiro e mais importante passo para que se exclua a Deficiência Intelectual.
É claro que de forma alguma estou afirmando que as questões de saúde não fazem parte da vida desse aluno, muito pelo contrário, visto que a Dificuldade de Aprendizagem é uma questão biológica ela deve ser investigada por estes profissionais.

Listei alguns problemas que podem ajudar a excluir a Deficiencia Intectual.

Problemas Visuais Perceptuais:
• Dificuldade de distinção de vários formatos e tamanhos;
• Dificuldade de colorir, escrever e recortar;
• Falta de estabilidade no uso das mãos; trocando a direita e a esquerda muitas vezes para realizar uma tarefa;
• Letras e palavras ao contrário.

Problemas de Memória e Atenção:
• Dificuldade de concentração.
• Não ouve bem;
• Esquece fácil;
• Não é capaz de seguir instruções com vários passos.

Deficiência de Linguagem:
• Demora no desenvolvimento da linguagem;
• Tem dificuldades de formar sentenças e encontrar palavras certas.

Problemas de Leitura:
• Problema com os sons das palavras;
• Dificuldade de entender palavras e conceitos;
• Troca letras por ordem incorreta ou letras erradas.

DEFICIÊNCIA INTELECTUAL

A Deficiência Intelectual é associada a manifestação de limitações em mais de uma área de habilidades, tais como:
- atraso no desenvolvimento neuro-psiquicomotor (a criança demora a firmar a cabeça, sentar,andar, falar)
- dificuldades no aprendizado de um modo geral
- não compreende ordens e normas

Lembrando que um único aspecto não pode ser considerado como indicativo de Deficiência Intelectual.
O nivel do grau de desenvolvimento do Deficiênte Intelectual, depende de sua história de vida particular, apoio da família e oportunidades vivificadas, todos são capazes de aprender respeitando-se suas limitações.

Bom queridos professores, simplificando, o meu desejo é que todos tenham ciência que o Ensino Especial está centralizado nas questões da Deficiencia Intelectual e não das Deficiências de Aprendizagem, e que este  diagnóstico esta atrelado a vários fatores emocionais, alterações de atividades nervosas superiores, como retardo específico e de linguagem, dislexia, psicoses e porque não dizer baixo nível sócio econômico e cultural, porém todos os fatores devem ser levados em conta e adequadamente diagnósticados por profissionais da saúde para que nossos alunos não sejam classificados indevidamente.
Porém nada impede que pela nossa experiência em campo e nossos incansáveis estudos, possamos colaborar com vocês nas questões que dizem respeito as dificuldades de aprendizagem, embora este não seja o nosso foco.

Um beijo a todos.




 

4 comentários:

  1. Texto simples, objetivo e esclarecedor. Parabéns professora Claudia. Continue trazendo outras colaborações sobre DI.
    Obrigada
    @DilmaVG

    ResponderExcluir
  2. Texto que acrescentou muiiiiiiiiiiiito à minha prática! Obrigada!

    ResponderExcluir
  3. Muito bom, nota-se na conversas de professores e gestores uma confusão ao caracterizar dificuldade de aprendizagem com deficiência intelectual, pois mesmo lendo, tive certa dificuldades pois tem algumas características que se assemelha ao dificuldade deaprendizagem

    ResponderExcluir